o que meus ouvidos vão guardar de 2010…

1) Jónsi – Tornado

É, sem pestanejar, a música mais importante de 2010 pra mim. Foi, por várias noites a única coisa que me fazia desligar e dormir; daquelas que te pegam lá de baixo e te dão vida de novo. Li por aí que ela soa como 50 pianos, 50 orquestras e 1 anjo, eu concordo!🙂

O álbum é resultado de uma parceria genial entre Jónsi e Nico Muhly. Ele está cheio de preciosidades, mas Tornado é pra mim a que mais se destaca.

2) Everything is Beautiful / Get Outta My Way – Kylie Minogue

Sim, fugindo totalmente de categoria com Kylie! Coloquei duas músicas de Aphrodite empatadas em segundo lugar (já que eu posso fazer o que quiser aqui). Décimo primeiro disco dela – quatro décadas (80’s, 90’s, 00’s e 10’s) com discos em primeiro lugar no Reino Unido – foi uma das coisas mais esperadas e ouvidas por esses ouvidos of mine neste ano.

Everything is Beautiful é composição de Tim Rice-Oxley. Isso é suficiente.

Get Outta My Way me faz sentir os sintomas do hipertiroidismo de novo por 3 minutos e 38 segundos. É. Há um remix do Yasutaka Nakata do Capsule que eu também recomendo🙂

3) Your Love – Keane

Night Train foi lançado em maio de 2010. É a mais recente gravação da série: “Isto não é Keane” para aqueles que acreditam tratar-se a banda de um fenômeno isolado de 2004. É um disco bastante experimental (e ótimo) tendo registros bastante característicos da banda no período Hopes & Fears (My Shadow), Under the Iron Sea (House Lights – acho que foi com o UTIS que eles inauguraram os instrumentais engolidores dark) e Perfect Symmetry (Back in Time); além de uma canção sem piano -oh! (Clear Skies com suas palminhas), uma homenagem para a banda japonesa de electropop Yellow Magic Orchestra (You’ve Got to Help Yourself – ou “que merda é essa” para os ouvidos com baixa tolerância para aquilo que fuja de suas zonas de conforto*) e duas participações do rapper K’naan – que muitos só conhecem como “o cara que cantou o tema da Coca Cola para a ‘Copa da África'”: Stop For a Minute

http://twitter.com/Iamknaan/status/10322181845

e Looking Back.

Your Love tem letra tipicamente Tim Rice-Oxleyana (dá uma comparadinha com Everything is Beautiful😉 ) com aquela cavalgadinha disco abrandada nos anos 1980. Tem como ficar melhor? Alguns diriam que a música só se salva com o vocal do Tom, eu digo: isso é filme dublado!

*cortesia de Paula Abdul

4) Body Talk – Robyn

Aqui eu recomendo o disco todo. Na verdade, eu recomendo ele e as partes que o antecederam na forma de singles + as faixas bônus e a versão acústica de Dancing on My Own da BBC Radio One. Highlights para Dancing on My Own, Fembot, Indestructible, Time Machine, Hang With Me, Call Your Girlfriend, Get Myself Together, In My Eyes e Stars 4-ever

Ok, agora ou direto ao ponto… não dá pra continuar listando assim! Álbuns, canções, obsessões e guilty pleasures musicais de 2010:

  • Lissie – Catching a Tiger (a quem já dediquei um post)
  • Emma Bunton – Free Me (como pude ter ficado tanto tempo sem ter contato com esse disco?)
  • Lady Gaga – The Fame Monster
  • Brendan James – The Day is Brave (Green)
  • Brandon Flowers – Flamingo
  • Katy Perry – Teenage Dream
  • Fyfe Dangerfield – Fly Yellow Moon (Silver thunder, turquoise stream / Leaves of amber, fields of emerald green / When you sketch all those shades on me / I am yours, you can do what you like with me)
  • Judy Garland – Judy At Carnegie Hall (clássico! a gravação fará 50 anos em 23 de abril de 2011 – eu 25!)
  • Vampire Weekend – Contra
  • Delphic – Acolyte
  • Ke$ha – Animal (sobe na caixa de som Vitor!)
  • Florence + the Machine – Lungs
  • Sia – We Are Born
  • Goldfrapp – Head First
  • JASMINE – Golden
  • Scissor Sisters – Night Work
  • Alphabeat – The Beat Is…
  • Dolly Parton – The Very Best of Dolly Parton (here you come again🙂 )
  • The Bird and The Bee – Interpreting the Masters Volume 1: A Tribute to Daryl Hall and John Oates
  • George Michael – Fastlove (não ouça no banho senão o George te pega)
  • Schmoyoho – Double Rainbow, Bed Intruder e Backin’ Up Song
  • Nicki Minaj – Pink Friday (pois qualquer um que faça uma citação a Castlevania merece entrar em qualquer lista que seja)
  • Simon Curtis – 8-bit Heart
  • The Autumn Film – The Ship And The Sea
  • The Moth Podcast

bom, por aí foi 2010… e pra você, como foi?

Esse post foi publicado em day-by-day, Música e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para o que meus ouvidos vão guardar de 2010…

  1. Pingback: o que meus ouvidos vão guardar de 2011… | Fledge

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s